segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Sabem aqueles 3 segundos?

Sabem aqueles 3 segundos? Aqueles 3 segundos que, tantas vezes, são absolutamente cruciais e necessários para articular um pensamento que depois resultará de forma absolutamente natural e fluída? Parece uma coisa perfeitamente normal e suportável, certo? Tss... 3 segundos? Que é isso? Quase nada... Mas se acontecem na defesa de uma tese, definitivamente,  esqueçam... É toda uma outra história.  3 segundos parecem tudo menos isso. São uns 3 segundos infindáveis, aflitivos! São.... sei lá! Um precipício para o qual tememos que a outra pessoa caia e do qual tentamos a toda força salvá-la, ainda que saibamos que todos os esforços serão infrutíferos (até para rezar me deu!).


Em relação à minha própria tese tenho oscilado que é uma coisa maluca. Passei por aquela fase de dizer que não queria NINGUÉM a assistir. Depois passei por aquela fase de dizer, Oh, já pediu uma pessoa, agora vai toda a gente!. Isto mesmo que soubesse que isso implicava treinar a minha mãe para não esboçar risinhos, cochichos ou qualquer outra coisa que me pudesse perturbar e mesmo que tivesse de me treinar a mim própria para me manter indiferente às movimentações do público. Mas agora... Agora, graças ao resultado daqueles 3 segundos, que nunca mais acabavam, estou na fase - ai que se eu deixar alguém ir ver, vou estar mais nervosa com quem lá está do que comigo. Se eu sofri por tão pouco - a minha amiga foi brilhante - quando for eu não quero deixar o povo todo nesse estado ou preocupar-me com o estado em que estarão!

19 comentários:

  1. Não não tenho. =/ Não fico mais cansada com exercício?

    Desculpa, mas não quero dar. Prefiro assim...

    ResponderEliminar
  2. Ai que já ninguém vai ver a tua defesa à tese xD
    Não sei quando é, mas desejo-te já boa sorte para isso :]

    ResponderEliminar
  3. Para quem gosta e QUER escrever.

    Regulamento já disponível em

    http://escrita-online.blogspot.com

    Boa Sorte!

    ResponderEliminar
  4. Se calhar é o que vou ter que fazer.. Obrigada pelo conselho*

    ResponderEliminar
  5. Realmente é uma escolha difícil! Não sei como será melhor, com apoiantes ou sem ;)

    ResponderEliminar
  6. de certeza que vais arrasar! principalmente estás a lidar com o palco, com os nervos, vais defender a tuatese com uma perna as costas! :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  7. e vai correr tudo maravilhosamente bem ;)

    confia**

    ResponderEliminar
  8. Eu preferi não ter lá ninguém. De qualquer forma uma pessoa prepara-se tanto antes que só pode correr bem.

    ResponderEliminar
  9. Quando fui, disse que não queria ninguém na sala, mas uma das professoras fez uma "piada" giríssima: "Ei, vocês ai, fiquem aqui na sala a assistir que senão está aqui um ambiente muito monótono". E pimbas, tive assistência do início ao fim. Confesso que a princípio te perturba, mas mal começas a falar não tens tempo de pensar em mais nada. No fim? No fim pensas "eina, só queriam saber isto? tinha trabalho para dizer muito mais!"

    E pronto, sais aliviada, com a sensação de dever cumprido! ;) Força!

    ResponderEliminar
  10. eu levei só a minha mãe quando foi comigo e não me arrependi nada... saber que ela estava ali deu-me toda a força e a vontade que eu precisava para não a desiludir... e essa atitude, que tive só por ela, estendeu-se inevitavelmente ao juri e levei um 16 para casa ^^

    ResponderEliminar
  11. Posso ir? lolol Brincadeira. BOA SORTE Mary Jane!!!!!
    **beijinhos**

    ResponderEliminar
  12. eu, para já, não quero lá ninguém!

    ResponderEliminar
  13. Vai correr bem, certamente. Com ou sem público =)

    ResponderEliminar
  14. Nem a propósito, ainda há bocado estive a pensar sobre isto, se quereria ou não alguém a assistir à minha tese. Mas enfim, eu ainda nem a comecei a escrever (está quase...), portanto tenho tempo para pensar sobre isso!

    ResponderEliminar
  15. Não tenho dúvidas de que quando chegar a tua vez tu vais conseguir manter a tua calma e a dos restantes ;)
    I believe!

    ResponderEliminar
  16. tem que ser como te sentires melhor e mais confiante ;)

    ResponderEliminar
  17. Quando é que sai os resultados? =D Estou ansiosa! xD

    ResponderEliminar
  18. eu nem sei o que vou preferir. por um lado é bom ter aqueles rostos familiares para me apoiarem, mas por outro acho que ficaria ainda mais nervosa. Não sei, mas também ainda tenho MUITO tempo para pensar no assunto.

    quando for a tua tens que me dizer! Tenho que te dar um beijinho de boa sorte :)

    ResponderEliminar

Não resisto às novidades do Mundo Lá Fora. Contem-me tudo, tudinho!